quarta-feira, 14 de março de 2012

Resenha: A Guerra dos Tronos - As Crônicas de Gelo e Fogo: Livro I



Sinopse: Em uma terra onde o verão pode durar décadas e o inverno toda uma vida, os problemas estão apenas começando. O frio está de volta e, nas florestas ao norte de Winterfell, forças sobrenaturais se espalham por trás da Muralha que protege a região. No centro do conflito estão os Stark do reino de Winterfell, uma família tão áspera quanto às terras que lhe pertencem.
Dos lugares onde o frio é brutal, até os distantes reinos de plenitude e sol, George R. R. Martin narra uma história de lordes e damas, soldados e mercenários, assassinos e bastardos, que se juntam em um tempo de presságios malignos. Entre disputas por reinos, tragédias e traições, vitória e terror, o destino dos Stark, seus aliados e seus inimigos é incerto. Mas cada um está se esforçando para ganhar este conflito mortal: a guerra dos tronos.


Análise
“O inverno está chegando...”
As Crônicas de Gelo e Fogo, eis uma saga que antes mesmo de começar a lê-la minha curiosidade acerca dela já era alimentada. Não é para menos, afinal a série da HBO fez com que George R. R. Martin e seus livros fossem um dos grandes assuntos entre as rodas de leitores, seja no ciberespaço ou fora dele. O gosto com que algumas pessoas falam dela é tamanho que você não pode deixar de querer vorazmente devorar, tal como um lobo, essa trama que fascina do início ao fim.
Uma das primeiras coisas que observei ao adquirir este primeiro volume da saga foi seu considerável tamanho, fato que chegou a espantar algumas pessoas para as quais o mostrei, outra foram os “extras” contidos no livro (um mapa de Westeros, região na qual se passa parte da história, e um apêndice que consiste na listagem dos membros das sete grandes casas, famílias nobres, de Westeros e um pouco de suas histórias). A grande quantidade de personagens algumas vezes poderá deixar os leitores um pouco perdidos, mas recorrer à consulta das listas das casas ajuda muito a retomar o fio da meada, todavia a abundância de nomes não torna a leitura um caminho tão tortuoso à ponto de ser uma mazela.
 A amplitude deste cenário é um dos motivos que fez eu me apaixonar com poucas páginas. O tamanho farto do livro, fato com o qual já estou acostumado considerando que sou leitor de Stephen King, em primeira instância me fez deduzir que o detalhismos colossal, algo bastante semelhante à Tolkien, fosse marca registrada na obra de George R. R. Martin igualmente, contudo, apesar dos ambientes serem descritos com maestria, as descrições não chegam à um nível que faz o enredo fluir mais lentamente e talvez causar alguns bocejos. Isso já foi um grande ponto positivo à favor de George, afinal quando um autor decidi explorar demais as minúcias do que pretende narrar deve ter muito cuidado, pois detalhismos demais podem soar como a famosa “encheção de linguiça”, falando no popular.
Outra singularidade em “Guerra dos Tronos” é que apesar de ser classificado como um livro de fantasia, o próprio elemento fantasia é muito subentendido na trama, a sutileza com que é tratado nos faz indagar quais pontos são fatos e quais pontos são somente lendas. O grande mistério fica a cargo dos Outros, uma tribo de selvagens cercados de mistérios que vive para além da muralha ao norte de Westeros na Floresta Assombrada. Alguns contam que Os Outros são criaturas sobrenaturais, mais frias que a própria neve e que jamais podem ser refreadas pelas armas dos homens. A única coisa capaz de derrotar Os Outros, segundo contam os mais velhos, é a magia dos Filhos das Florestas, seres que utilizavam a magia em seu cotidiano de maneira tão natural como bebemos um copo d’água e que habitaram Westeros antes da chegada dos Ândalos, povo que os levou à extinção. Mas vale lembrar que a todo momento somos defrontados com várias versões sobre um mesmo fato e poucas são as respostas sobre o que é verídico nesse emaranhado de palavras, o que nos mantém sempre querendo virar mais e mais páginas e ao terminarmos o primeiro livro querer já partir para o seguinte.

A história fala essencialmente de jogos políticos, logo algumas pessoas mais ávidas por batalhas grandiosas podem ficar um pouco desanimadas com uma grande parte do livro, mas isso não significa que não se encontrará instantes que nos farão ficar com a adrenalina circulando em nosso sangue, os olhos esbugalhados e a mente hipnotizada, assim como amam os fãs de literatura épica.
Como mencionei anteriormente “Guerra dos Tronos” fala essencialmente sobre jogos políticos, portanto os leitores não irão encontrar nessas páginas um mundo maniqueísta, com divisórias claras entre o certo e o errado, o bem e o mal, afinal no jogo dos tronos o que faz todos estes conceitos é a necessidade e a ligação com a sua casa (família). O personagem que mais salienta esta questão é Tyrion Lannister, um anão, chamado de Duende entre os populares e a corte, membro da casa Lannister. Tyrion é o tipo de personagem com diálogos excepcionais e um caráter indefinido, mas que conquista a todos pela sua sagacidade e humor ácido que zomba dos nobres e deste jogo de poder. Tyrion é um personagem em que confiaríamos de boa vontade, caso nossa vida pudesse depender dele, contudo às vezes o encaramos de esguelha e suspeitamos de suas intenções mais intimas. Nesse ponto é que está uma grande diferença entre o estilo de George e Tolkien. Quero tocar neste ponto porque diversas pessoas parecem ter pegado o péssimo hábito de brigar entre quem é melhor: Tolkien ou George? Já vi discussões acaloradas até demais acerca disso, o que acho completamente desnecessário, uma vez que Tolkien e George são mundos totalmente diferentes. Enquanto em Tolkien a aventura, o herói épico, o embate de forças do bem contra entidades maléficas são elementos exaltados a cada página e o detalhismos chega ao extremo da atividade de escrever em George os personagens são mais próximos do palpável em suas imperfeições de caráter, em suas motivações egoísticas, em suas lutas pelo poder. A terra-média é um lugar que apesar de suas zonas sombrias é predominantemente um lugar de luzes, exuberância de vida, afloramento de coisas boas. Já em Westeros e nas demais terras traçadas por George as sombras parecem querer englobar todas as coisas, confiar pode significar a sua cabeça rolando e segredos são protegidos a qualquer custo. Mesmo que para isso seja preciso matar uma criança, por exemplo. Ser cruel é chamado de ser justo. Isso, obviamente, torna alguns personagens extremamente odiáveis! Ao ponto de querermos saltar para dentro das páginas e darmos alguns socos e chutes para aliviar a raiva.
A estrutura do livro em curtos capítulos que alternam entre os personagens/narradores me chamou a atenção. Em um livro tão grande capítulos curtos fazem a leitura avançar a passos de gigante e a variação na perspectiva pela qual visitamos este mundo nos proporciona um leque muito bom a partir do qual somos capazes de formular nossos próprios pensamentos e estabelecer nossos pesos de valores, além de que o sortimento de personalidades tão distintas quanto às cores existentes nos deixa sempre ansiosos por retomar a conversa com aquela pessoa que se desviou de nós alguns capítulos atrás.
Os eventos que ocorrem no primeiro livro são preparações para o palco dos próximos livros. O final confirma ainda mais que nem tudo que se conta sobre as antigas lendas é verdade e deixa uma promessa para os próximos livros. Os perigos nas últimas páginas se anunciam de todas as direções e em meio ao jogo dos tronos e o presságio negro cujo inverno é o arauto nos cabe perguntar: Quando a morte chega de todas as direções o que devemos fazer? Numa terra corrompida pelo que lutamos? Eis alguns dos questionamentos suscitados por essa crônica composta de tipos humanos de índole verdadeiramente nobre à homens e mulheres que mais parecem ratos e animais carniceiros com um manto bonito que esconde suas verdadeiras faces.
 
Não considero e nem pretendo executar a titânica tarefa de mostrar todo o esplendor do livro em minha resenha, algumas coisas são tão grandiosas que não há como repassar a experiência que tivemos em palavras frias escritas, acho que nem mesmo com nossas vozes podemos expressar algumas coisas de uma ponta à outra, mas espero sinceramente que vocês possam ter o mesmo prazer que tive ao dar meus primeiros passos na obra de George R. R. Martin. Desejo-lhes uma excelente leitura e agradeço antecipadamente pelos comentários. A maior recompensa para quem escreve uma resenha é despertar o desejo de conhecer de pelo menos um leitor. Outra observação, possivelmente alguns de vocês podem estar se pensando: Mas ele nem falou direito dos personagens. Eu fiz isso porque estou tentando desenvolver sempre resenhas que falem mais das qualidades do texto, recursos da narração, atmosfera da história do que dos personagens em si, pois se sair falando sobre os personagens de um jeito ou outro acabarei dizendo alguns spoilers. Abraços!

Editora: Leya
Autor: George R. R. Martin
Origem: Americana
Ano: 2010
Edição: 1
Número de páginas: 592
Acabamento: Brochura
Formato: Médio

58 comentários:

  1. Vou ter que ler o livro para um trabalho a ser feito no mês que vem. A resenha está ótima e tem o mérito de não disponibilizar spoilers. Grande incentivo à leitura da obra. Parabéns, amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rapaz, eu queria muito trabalhar com livros...quem sabe futuramente faço biblioteconomia. :D

      Excluir
  2. Legal a resenha, estou por enquanto assistindo só a série e estou gostando muito pois tem ação e política e existem vários ambientes de filmagem.abrc!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Diego. A série é muito bem produzida. Os cenários belíssimos deixam tudo ainda mais fascinante.

      Abraços!

      Excluir
  3. Muito tempo que eu quero ler esse livro...depois dessa resenha a vontade só aumentou!
    Quantos livros dessa série serão lançados? Sabe me responder???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thiago, serão 7 livros. Até agora, 5 estão prontos. Os outros 2 nem tem previsão xD

      Excluir
    2. A saga "Crônicas de Gelo e Fogo" é sensacional! Você vai ver quando começar a ler. Me sinto feliz em ver que minha resenha lhe despertou a vontade de ter o livro.

      Abraços!

      Excluir
  4. Uau, claro que como eu respiro, eu conheço Guerra dos Tronos, mas até agora ainda não li o livro e ainda não tinha lido uma resenha dele que me fizesse ter vontade assim de lê-lo. E você fez, porque você mostrou dois pontos muito bons na obra:
    Ela não maniqueísta e não é descritiva como Tolkien (que também me faz bocejar, apesar de ter muitos méritos).
    Muito muito interessante. Mas ainda preciso que um desses tijolos caiam nas minhas mãos para lê-lo. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todo ser vivente sobre a terra que lê conhece Guerra dos Tronos kkkkkkkkkkkk A minha missão ao escrever uma resenha é justamente despertar a vontade das pessoas em conhecer os livros, formar suas análises e debater...e minha missão contigo foi concretizada :) Quem sabe, através desse sorteio, o tijolo caia em suas mãos :)

      Abraços!

      Excluir
  5. ola!!

    Eu sempre tive curiosidade de ler este livro, sua extensa estória empolga muito os leitores. Também vi que é classificado como fantasia, mas acho que não é o foco do livro, apesar de sua resenha dizer que alguns elementos deste gênero é inserido na leitura. Por ser tão imenso acho que é um livro que se ler com muita paciência sem pressa, por ser tão histórico e por tantos nomes em algum momento deve confundi, mas acho que com calma e consulta nos extras do livro dá para acompanhar legal.
    Bjos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, a complexidade da trama criada por George Martin deixa os leitores presos às páginas. A fantasia, nesse primeiro livro, é bem suave, discreta. Esse livro é mesmo daquele para se ler com muita calma, "digerir" com a devida atenção.

      Beijos!

      Excluir
  6. Eu estou louca pra ler esse livro. Gosto de histórias complexas e bem construídas. Para fazer uma série tão conhecida, imagino que seja de alta qualidade literária. Precisarei ler para ter uma opinião melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, "Crônicas de Gelo e Fogo" é uma rede muito complexa e se você ficar desatento se perde no labirinto.

      Abraços!

      Excluir
  7. Eu comecei a ver a série, e pelo que vi o livro é um tanto diferente... rs
    O tamanho dele realmente assusta, mas como você disse, não muitos personagens e cada um tem a sua história. Dei um tempo na série para poder ler o livro e poder fazer uma critica melhor.
    Ótima resenha e o melhor, sem spoilers =P
    Beijos

    Ana Agnes
    @eufases

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, na verdade a série é muito fiel ao livro, os detalhes que se alteram não são significativos ao ponto de serem mencionados. Só vi a primeira temporada da série ao ler o Livro I. Obrigado pelo comentário, sempre busco evitar spoiler para não estragar a leitura das demais pessoas.

      Beijos!

      Excluir
  8. Super interessante!!!
    Estou com a série pra assistir, mas também estou com a esperança de ganhar a promo do blog, então vou aguardar já que os produtores disseram que a série procura ser fiel ao livro. Dai não quero estragar a leitura já sabendo a história.
    Ótima resenha!
    Só me deixou com mais vontade de ler e assistir! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guarde a série para assistir depois de ler o livro, uma recomendação. Ele é mesmo bem fiel aos eventos do livro. Obrigado pelo comentário! kkkkkkkkk Esse é o objetivo da resenha: deixar o leitor ávido pelo livro :D

      Abraços!

      Excluir
  9. Eu já li o primeiro e o segundo livros da série e adoro a maneira como George escreve. É como vc disse, os ambientes e etc são bem detalhados, mas sem ser exagerado. Meu personagem preferido é o Tyrion, a personalidade dele me intriga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o George prefere usar linguagem poética para transmitir a atmosfera dos lugares ao invés de ser extremamente descritivo. O Tyrion também é o meu favorito.

      Excluir
  10. Virei fã da série e gostaria muito de ler os livros =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você virou fã da série, os livros te deixarão pulando de emoção!

      Excluir
  11. Adorei esse livro, é fantástico! Não entendo porque as pessoas cismam em compara essa obra a de Tolkien. São completamente diferentes! Tudo! As pessoas acham que toda Fantasia Épica é igual, e eu fico decepcionada com isso. Um livro pertencer ao mesmo gênero literário que outro, não significa que sejam iguais. Nem parecidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Algumas pessoas tem essa mania mesmo de comparar de forma desnecessária coisas que são completamente opostas. Sim, gênero literário não é o mesmo que estilo de texto ou modo de narrar. Nesse ponto em que às vezes as coisas são misturadas. Obrigado pelo comentário, Tatiana.

      Excluir
  12. ps.: ambos são EXCELENTES e marcantes, claro!

    ResponderExcluir
  13. todo mundo diz q esse livro eh maravilhoso e que mesmo semdo muito grande vale muito a pena ler, quem sabe um dia quando eu tiver muita coragem eu o pegue para ler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, essa saga é magnífica! Quando você começar a ler vai se perguntar porque não iniciou essa jornada antes. Você vai ver.

      Excluir
  14. Que resenha interessantíssima! Gostei muito de como vc explorou os aspectos do livro, de tratar de jogos políticos. Gostei também de como vc tratou a questão Tolkien x George. Acho a discussão de quem é melhor muito medíocre, cada um tem excelentes narrativas e destacam-se de formas diferentes.
    Esta é uma série de livros que gostaria muito de ler por conta dos inúmeros elogios feitos a ela. Infelizmente não é tão acessível em termos financeiros (a não ser no Submarino em mega promoção! rsrsrs).
    Parabéns pela ótima resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço demais os seus comentários. A minha intenção era exatamente falar dos aspectos do livro, mas sem dar informações demais sobre os acontecimentos do livro. Tolkien e George são gênios em suas maneiras de escrever e comparar ambos é algo sem sentido.
      Quem sabe você ganha nessa promoção? Espero que você possa ler a saga em breve. ^-^
      Obrigado, novamente, pelo comentário!
      Abraço!

      Excluir
  15. A série está cada episódio melhor,muito ansiosa para ler os 7 livros da crônica *___*!
    E parabéns pela resenha,foi ootima :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a série é sensacional! Cada episódio é um extremo prazer visual! Espero que ame a saga.
      Obrigado pelo comentário. :)

      Excluir
  16. nossa muito interessante....excelente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caso você esteja participando da promoção quero avisar que será desclassificada, pois o seu comentário na resenha do livro não expressão qualquer opinião sobre a resenha e não demonstra que você a leu.

      Excluir
  17. nossa muito interessante....excelente...

    ResponderExcluir
  18. Ui sentI até um frio na espinha!
    Gelei com tanto frio, mas me interessei bastante pela história.
    Não assisti a série, apesar de já ter ouvido falar muito dela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As Crônicas de Gelo e Fogo é uma saga de sentimentos extremos mesmo. Vai ter personagens que você vai amar tanto que gostaria de tê-los ao seu lado, mas em compensação vai existir outros que você vai odiar do fundo do coração.

      Excluir
  19. Nossa, Guerra dos Tronos é um livro perfeito!!! A fantasia faz a gente viajar, imaginar os cenários, os personagens de um jeito que poucos livros conseguem! É incrível mesmo! E os personagens são apaixonantes, e tambem odiantes! Haha! Um ótimo livro! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maneira do George escrever nos faz mergulhar mesmo no que acontece no livro...é quase como se sentíssemos o frio de Winterfell :D Sim, os personagens despertam fortes sentimentos.

      Excluir
  20. Respostas
    1. Caso você esteja concorrendo na promoção será desclassificada. O seu comentário não expressa uma real opinião sobre a resenha do livro.

      Excluir
  21. Eu ja tinha visto os livros da Cronica de gelo e fogo no ano passado, mas não tinha me interessado muito, achei que era mais um senhor dos anéis, então comecei a assistir a série. Nossa, adorei fui direto para ler A Guerra dos Tronos, e achei o livro sensacional.
    Sua resenha esta ótima e seus comentários são perfeitos. Parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal, ainda bem que você tomou a iniciativa de ver a série, pois com certeza agora sabe o quanto estava perdendo sem buscar os livros xD Agora corra atrás dos livros e se aventure pelas páginas! Você vai amar! Obrigado pelo seu comentário.

      Beijos!

      Excluir
  22. O que me chamou a atenção nessa saga foi exatamente o tamanho do livro. Me desanimo quando o livro é fino demais. Tenho A Furia dos Reis e estou louca para ter os outros livros e começar logo minha leitura. Sempre leio resenhas positivas sobre a saga.Sua resenha me deixou ainda mais animada. Parabéns pelo blog (conheci hoje,heheh). Bjkss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa saga, apesar de muito grande, faz o leitor devorá-la numa velocidade impressionante pela sua qualidade narrativa. Eu tenho até o livro III e em breve pretendo obter os demais. Que legal! Volte sempre ao blog ^-^

      Beijos!

      Excluir
  23. Realmente, esse 'cara' me impressiona..da onde ele tirou tanta inspiração para escrever vários livros enormes?
    Meu Deus!!!
    E ainda por cima, como já li muitas resenhas dos livros dele, sei que são maravilhosos, uma pena que ainda não pude ler nenhum...
    As capas, por mais simples que sejam, ainda são todas lindas..
    Bjkas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, o George tem uma mente de gênio! Imagine como deve ser conversar com ele! *-*
      Sim, a escrita dele é muito boa! Você fica querendo que os livros fossem maiores kkkkkkkkkkkk As capas são belíssimas pelos amplos cenários que mostram e acredite...você vai ficar fascinada com o que esses livros guardam!

      Beijos!

      Excluir
  24. Ah... que legal!!
    já tinha visto a série, e gostei pra caramba, e como sempre a história do livro é melhor que a serie, então to muito ansiosa para ler! E mesmo o livro sendo praticamente um tijolo -kkk- ainda parece q deixa na gente um quero mais. Isso é bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série é muito fiel ao livro, mas o livro é uma experiência melhor porque gera imersão profunda :) Ah, acredite...quando estiver lendo a saga vai querer que ele tenha mais páginas! Sim, pode guardar as minhas palavras.

      Excluir
  25. Vou ser sincera: eu nunca me interessei pelo livro/série por causa da modinha cult que eu achava insuportável desse livro. Meus amigos msm, pagavam um pau que deus me livre... fandom desesperado ME DEIXA MT P. Acho que gostar normal, admirar é válido, mas ser meio bbk é chato. Hoje em dia eu quero muito ler, deixei esse meu sentimento de lado e quero admirar a leitura do livro, já que um amigo próximo disse que é muito boa, mt inteligente. E quero ver a série (boromir, qei é oce?!?!?) haha

    ótima resenha!
    aline ribeiro
    @euleioeassisto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo que é demais normalmente acaba causa um certo enjôo às vezes. Isso é comum. Eu mesmo comprei os livros sem tantas expectativas, para pode analisá-lo de forma mais justa e não me decepcionei. Acho que fanatismo demais por uma obra pode nos fazer leitores um pouco chatos mesmo, acho que devemos ter bom senso em nossos elogios e buscar ver se realmente o livro é digno de tamanho sucesso. Leia mesmo a saga, quem sabe você tem sorte e ganhar o Livro I :) Ahhh, nem lhe conto quem é o "Boromir". kkkkkkkkkkkkkk

      Obrigado pelo comentário.
      Beijos!

      Excluir
  26. A saga é bastante interessante e enorme também! haha
    Mas acho que estes são os melhores. As vezes lemos livros tão bons que deveriam se maiores e com histórias em continuação, daí meio que nos frustramos. Já histórias assim, sempre esperamos mais e graças a muitos autores isso acaba sendo possível.
    Boa resenha!
    =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A saga é tão boa quanto grande, isso mesmo! kkkkkkk Sim, esse livro você vai querer que tivesse mais páginas! Autores como o George são jóias da literatura! Obrigado pelo comentário! :)

      Excluir
  27. Já tinha desistido de ler esse livro, é que assisti a série, não que eu não tenha gostado da série, é que já disseram que ela é bem fiel ao livro, aí desanimei.
    Mas mudei, até pq esse livro é enorme e tem detalhes que não dá pra deixar escapar, serve pra entender melhor a série também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pow, não deixe de ler o livro! Vai ser uma experiência completamente de assistir a série! Tenha certeza disso! Isso mesmo, com o livro você vai compreender melhor a histórias.

      Excluir
  28. Eu quero muito ler este livro!!!! Não me preocupo com livros grandes, muito pelo contrário, me preocupo com os pequenos demais... Sempre fico com um pé atrás com livros que me parecem prometer nada mais do que uma história corrida, deixando milhares de pontas soltas... Ainda não assisti a série, mas os comentários não deixam dúvidas, a obra é um sucesso. Curiosíssima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa sorte no sorteio! kkkkkkkkkk Seu medo é gostar da história e ele ser pequeno, né? Sei como é isso. Sim, tanto a série quanto o livro são beleza pura!

      Excluir
  29. Que maravilha de livro, a historia dele parece ser tão demais, meu amigo ja leu todos e esta esperando o lançamento do quarto. Quero muito esse livr pretendo compra-o até ano que vem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história de "Crônicas de Gelo e Fogo" é ótima! Por que não pega os livros emprestados com o seu amigo? Acho que ele vai emprestar, né? Bem, se não ganhar na promoção, compre mesmo os livros. Serão aquisições excelentes!

      Excluir
  30. Já encomendei o primeiro livro, pois sou muito fã da série.E mesmo sabendo o que acontece nos 2 primeiros livros, estou muito ansioso.Tenho certeza que vai valer a pena ler cada verso deles

    Gostei bastante da resenha, me fez ficar mais ansioso para lê-los.

    VALEU

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Comente! Sua opinião é sempre bem-vinda ;D